Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

PANORAMA DAS COBERTURAS VACINAIS EM CRIANÇAS MENORES DE 1 ANO EM JUAZEIRO DO NORTE-CE, DE 2015 A 2018.

Introdução

A vacinação é uma das intervenções mais custo-efetivas e de maior impacto na prevenção de doenças infecciosas. O Programa Nacional de Imunizações (PNI) é responsável pela Política Nacional de Vacinação da população brasileira e oferece todas as vacinas preconizadas pela Organização Mundial da Saúde, contribuindo para a redução da morbimortalidade por doenças imunopreveníveis na infância. As recomendações de idade ideal para aplicações de vacinas garantem a proteção tanto na criança quanto na população e a vigilância das coberturas e o monitoramento da homogeneidade são ferramentas que asseguram o controle de doenças. O objetivo deste trabalho consiste em verificar as coberturas vacinais de rotina em menores de 01 ano no município de Juazeiro do Norte-CE, de 2015 a 2018.

Material e Método

Trata-se de um estudo longitudinal e descritivo realizado em Juazeiro do Norte-CE, no período de 2015 a 2018. A coleta de dados foi realizada através do PNI, com emissão de relatórios dos imunobiológicos. As vacinas selecionadas foram BCG, Rota Vírus Humano, Penta (DTP, Hepatite B, HIB), Poliomielite (VIP), Pneumocócica 10 Valente e Meningocócica conjugada C aplicadas em menores de 1 ano. A análise dos dados ocorreu por meio do programa Microsoft Excel, utilizando-se de frequência absoluta e relativa. Por se tratar de um banco de dados de domínio público, não foi necessário submeter o projeto ao Comitê de Ética em Pesquisa conforme Resolução nº 466/2012 do Conselho Nacional de Saúde.

Resultados

As coberturas vacinais preconizadas pelo PNI são no mínimo: 90% para a BCG e Rota Vírus Humano; 95% para Penta (DTP, Hepatite B, HIB), Poliomielite, Pneumocócica 10 Valente e Meningocócica conjugada C. Em Juazeiro do Norte no período em estudo as vacinas: BCG teve cobertura satisfatória em todos os anos; Poliomielite inativada (VIP) ficou abaixo da meta apenas no último ano; A Pneumococus 10 Valente, Rotavírus Humano e a Meningocócica conjugada C tiveram coberturas crescentes de 2016 a 2018; e a Pentavalente houve uma flutuação na cobertura, tendo crescido em 2016 e 2017, havendo baixa cobertura em 2015 e 2018.

Discussão e Conclusões

Observamos que conforme o Calendário Nacional de Imunização do PNI o município obteve uma boa cobertura, contudo se faz necessário intensificar as ações de busca ativa das crianças faltosas em tempo hábil com o intuito de evitar coberturas menores do preconizado pelo Ministério da Saúde, equilibrar a homogeneidade e manter a proteção contra as doenças imunopreveníveis na infância.

Palavras Chave

Cobertura vacinal; Monitoramento; Menores de 1 ano.

Área

Imunizações

Instituições

SECRETARIA DA SAÚDE DE JUAZEIRO DO NORTE - Ceara - Brasil

Autores

MARCIA REJANE RODRIGUES MARTINS FERREIRA, EVANÚSIA DE LIMA, DAVID ANTÔNIUS DA SILVA MARROM, GLAUCIANE TORRES NEVES QUENTAL, FRANCIMONES ROLIM DE ALBUQUERQUE