Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


TÍTULO

A ARTE PERDIDA DE CHEIRAR E PROVAR URINA: UMA HISTORIA DA UROSCOPIA

OBJETIVO

Realizar uma análise histórica da Uroscopia desde seus primórdios até a sua contribuição para a origem da Urinálise.

MÉTODO

Realizou-se uma revisão da literatura sobre a história da uroscopia. Pesquisou-se nas bases de dados Medline e Scielo os seguintes termos: “uroscopia”, “uroscopy”, “história da uroscopia”, “history of uroscopy” e os artigos recuperados foram submetidos a análise crítica. Outros textos sobre história da medicina também foram analisados.

RESULTADOS

A compreensão de que o exame da urina pode fornecer pistas sobre o estado de saúde das pessoas vem desde a antiguidade. O tratado sobre uroscopia mais influente na medicina ocidental intitula-se De Urinis e foi escrito por Theophylus Protospatharius (610-614). O médico francês Gilles de Corbeil implementou a coleta em frasco de vidro fino, limpo e em formato de bexiga urinária, denominado “matula”, que foi considerado um símbolo médico por séculos. No século XVII, um número crescente de médicos realizava diagnósticos baseados apenas na urina e o uso abusivo da técnica gerou descrença no meio científico, provocando a publicação de Pisse Prophet, em 1637, por Thomas Bryant, ridicularizando a prática. Os pacientes também passaram a questionar as habilidades dos médicos e até mesmo obras de Shakespeare faziam referências satíricas à uroscopia. A uroscopia perdeu sua validade com o surgimento da química e da microscopia, o que culminou, entre 1830 e 1860, no nascimento da urinálise clássica.

CONCLUSÕES

A história da uroscopia é um bom exemplo de como métodos diagnósticos complementares utilizados de forma exagerada ou equivocada podem gerar dificuldades na prática da medicina. Apesar disso, a uroscopia foi a precursora da urinálise moderna, método diagnóstico laboratorial fundamental na medicina moderna.

Área

MISCELÂNEA

Instituições

Centro Universitário de Brasília - Distrito Federal - Brasil

Autores

Alisson Juliani, Mariana França Bandeira de Melo, Samanta Mendes Barreto, Anne Caroline Castro Pereira, Ellen Tieko Tsugami Dalla Costa , Melvin Huang, Celeste de Santana Oliveira, Jordano Pereira Araújo - TCBC